Caixa Econômica Federal

Tudo sobre o concurso da Caixa Econômica Federal para PcD

Com oferta de 1.000 vagas imediatas e 100 em cadastro de reserva para pessoas com deficiência, a Caixa Econômica Federal teve seu edital de concurso publicado.

Sobre os cargos

As oportunidades, de nível Médio, são disponibilizadas para as funções de Técnico Bancário Novo e Técnico Bancário Novo – Tecnologia da Informação.

O salário inicial oferecido é de R$ 3.000,00, podendo ser acrescido de benefícios como participação nos lucros ou resultados, plano de saúde, plano de Previdência Complementar, auxílio Refeição/Alimentação, vale transporte, auxílio creche, possibilidade de ascensão profissional,  e acesso a ações de capacitação e desenvolvimento.

A jornada de trabalho é de 6h diárias, que totalizam 30h semanais.

Atribuições

Para que você possa entender um pouco sobre a rotina do servidor que exerce o cargo de Técnico Bancário Novo, separamos abaixo as informações sobre missão e atribuição das funções.

Missão: Execução de atividades bancárias, comercialização de produtos e serviços, prestação de atendimento, realização de negócios e atividades administrativas, responsabilidade pelo sigilo das informações a que tenha acesso no uso de suas atribuições, com foco no alcance dos objetivos estatutários e estratégicos da CAIXA.

Atribuições principais: prestar atendimento ao público, realizar negócios e comercializar produtos e serviços; identificar clientes, verificando a autenticidade de documentos, assinaturas e impressões digitais, quando realizada capacitação específica; efetuar atividades administrativas e operações bancárias, utilizando equipamentos e ferramentas tecnológicas; elaborar, redigir e conferir documentos e correspondências em geral; inserir e consultar dados em sistemas operacionais informatizados e outros aplicativos relacionados com suas atividades, assim como auxiliar em sua manutenção e aperfeiçoamento; efetuar cálculos diversos e controles numéricos; identificar e apontar oportunidades de melhorias nos processos em que atua; e executar outras atividades inerentes ao conteúdo ocupacional dos cargos.

 

Inscrições no concurso Caixa PcD

As inscrições, que já estão abertas, seguem disponíveis até o dia 27 de setembro de 2021, pelo site da organizadora Cesgranrio. A taxa de participação custa R$ 30.

Aqui vale lembrar que, por ser uma seleção exclusiva para PcD, os candidatos deverão enviar, via upload, o Relatório Médico digital, emitido nos últimos 36 (trinta e seis) meses em documento PDF digitalmente assinado por certificado digital contados da data de publicação do edital, atestando a espécie e o grau ou nível da deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), bem como a provável causa da deficiência, contendo a assinatura por certificação digital do médico com o número de sua inscrição no Conselho Regional de Medicina (CRM) no documento.

 

Avaliação dos candidatos

Para conquistar a aprovação no concurso, os candidatos deverão enfrentar provas objetiva e de redação, que serão aplicadas no dia 31 de outubro de 2021.

A prova objetiva será composta por 60 questões de múltipla escolha, sendo 30 questões de conhecimentos básicos e 30 questões de conhecimentos específicos. Já a prova de redação deve ser estruturada na forma de texto em prosa do tipo dissertativo-argumentativo.

 

O que estudar para o concurso Caixa PcD

Conquistar uma vaga em um concurso público do porte da Caixa requer muito estudo e dedicação. Assim, para que você possa direcionar seus estudos, extraímos do edital a relação de temas mais cobrados e suas respectivas quantidades de questões.

 

CARGO: TÉCNICO BANCÁRIO NOVO

Conhecimentos Básicos

Língua Portuguesa: 10 questões

Matemática Financeira: 10 questões

Conhecimentos Bancários: 10 questões

Conhecimentos Específicos

Noções de Probabilidade e Estatística: 5 questões

Conhecimentos de Informática: 10 questões

Atendimento Bancário: 15 questões

 

CARGO: TÉCNICO BANCÁRIO NOVO – TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Conhecimentos Básicos

Língua Portuguesa: 10 questões

Matemática Financeira: 10 questões

Conhecimentos Bancários: 10 questões

Conhecimentos Específicos

Tecnologia da Informação: 30 questões

 

Como se preparar para o concurso da Caixa

Assim como para qualquer outro concurso público, conquistar a aprovação depende muito de  uma rotina de preparação intensa.

Por isso, você deve buscar estudar todos os assuntos solicitados no conteúdo programático do edital. Além disso, tão importante quanto o estudo da teoria é a realização da prática de questões de concurso Caixa já aplicadas anteriormente.

A tática de aliar o estudo da teoria com a prática de questões potencializa o seu aprendizado, uma vez que assim é possível identificar seus pontos fortes e fracos no que diz respeito ao domínio do conteúdo.

Desta forma, você direciona seus esforços às disciplinas em que tem mais dificuldade e, consequentemente, garante um melhor desempenho na nota final.

Vendas

VENDAS: TUDO SOBRE ESSA FASE DO FUNIL DO INBOUND MARKETING

De forma geral, o Inbound Marketing tem a intenção de educar os potenciais clientes sobre o que se trata sua empresa, transformando-a em referência sobre um tema específico (ou agregados) e, assim, influenciar na decisão final de compra.

Esse vínculo é iniciado pela empresa ao criar conteúdos personalizados e autorais, a fim de atraí-los e, assim, realizar as vendas de produtos ou serviços.

Mas como fazer isso acontecer?

 

PRIMEIRAS ETAPAS DO INBOUND MARKETING

Para entender melhor como funcionam as últimas etapas dessas estratégias, vamos lembrar rapidamente quais são os passos no funil de vendas do Inbound Marketing?

 

Atração

O Inbound Marketing começa com a atração de público, levando-os, principalmente, para um post em blog. Por isso esse é um processo tão importante, uma vez que é necessário ter um conteúdo relevante e que responda as dúvidas de quem pesquisa.

É possível fazer isso das seguintes formas:

  1. Blog posts;
  2. SEO para postagens e site;
  3. Anúncios patrocinados;
  4. Redes sociais para estabelecer vínculo.

 

Conversão

Se temos o visitante no site/blog, é preciso torná-lo um lead para continuar o processo de compra. Aqui, é realizada uma troca: a pessoa disponibiliza seus dados para a empresa, enquanto a empresa a recompensa de alguma forma.

As recompensas podem ser:

  1. Materiais ricos, ebooks, infográficos etc.;
  2. Landing pages.

 

Relacionamento

Dentro de uma abordagem de leads, a produção de conteúdo com diferentes problemas e estágios de compra acaba atraindo pessoas de diversos estágios. Aqui, construímos um relacionamento com esses leads, identificando os estágios em que estão e fazendo com que avancem na jornada do cliente.

É possível fazer isso com:

  1. Email marketing;
  2. Automação de marketing;
  3. Nutrição de leads.

 

VENDA

Agora que já relembramos como funciona os primeiros passos do que é o Inbound Marketing e como ele funciona, chegamos ao que interessa: as vendas.

A geração e a nutrição de leads é um trabalho que tem o intuito de produzir demanda e gerar oportunidades de negócio. Por vezes, esse processo acontece dentro do próprio site ou loja da empresa; em outros, torna-se necessário o contato entre vendedor e cliente.

De todo modo, quanto maior a complexidade do produto, mais o procedimento de vendas precisa ter um “ar” de consultoria, concluindo o papel de nutrir o lead sobre sua utilidade a fim de finalizar a venda.

Esse novo paradigma, no qual o lead anda parte do funil de vendas antes de contatar o vendedor, tem o poder de transformar as vendas. Como podemos ver na rápida melhora nas práticas de Inbound Sales.

 

Leading scoring (pontuação de leads)

A pontuação de leads tem justamente a função de pontuar atos e informações sobre os leads com o objetivo de entender a situação da sua base e encontrar as oportunidades de negócio. Essa ferramenta tem dois eixos: o de perfil e o de interesse.

Dadas as informações colhidas, o perfil procura identificar o potencial do lead em se tornar um comprador. Já o interesse procura interpretar o comportamento do lead e identificar em que momento da jornada de compra está, com base na forma com que se relaciona com o conteúdo produzido.

Em vendas com um processo de nutrição melhor estruturado, o lead scoring dá para a empresa poder para expandir os resultados.

 

Inbound Sales

O Inbound Sales, basicamente, mantém o quadro de vendedores trabalhando de casa com apoio da comunicação e suas tecnologias. Assim, permite que sejam realizadas reuniões, demonstrações e fechar contratos sem a necessidade de se deslocar até o cliente.

Deste modo, o controle sobre o desempenho do time e a redução de custos se torna maior e mais fácil de analisar.

 

CRM (Customer Relationship Management)

Com o software CRM, é possível organizar, metrificar e guardar histórico de todas as negociações feitas pelo vendedor. Aliás, a junção do histórico do vendedor com o do lead, enquanto há nutrição por meio de marketing, melhora a abordagem e performance de vendas.

 

ANÁLISE E FIDELIZAÇÃO

Por fim, é importante avaliar os resultados e confirmar o retorno dos investimentos com base em fatos. Com essas análises, é possível realimentar toda a estratégia de Inbound Marketing desde o começo, graças a monitoração de cada ação do seu público com o site, posts, campanhas etc.

Além do mais, é de grande importância manter a nutrição de leads após a finalização de vendas, a fim de se criar uma fidelização com o cliente. É esse método que poderá, no futuro, trazer o cliente de volta para realizar uma nova compra ou mesmo indicar sua empresa para alguma outra pessoa que também está em busca de uma solução que você oferece para os problemas que ela enfrenta.

 

CONCLUSÃO

Se você quer saber como vender mais com o Inbound Marketing, a nossa dica é considerar a contratação de uma agência especializada no assunto. Assim, as chances de alcançar o seu público e o intuito de vendas são muito maiores!

Imagem de um portão pivotante

Portão pivotante: vantagens e desvantagens

Já pensou em ter um portão em sua casa que dê segurança e que ainda seja elegante e moderno? O portão pivotante é uma ótima escolha!

 

O que é portão pivotante?

O portão pivotante é um modelo de portão que abre para as laterais, isto é, como uma porta simples. Ele pode ser de uma ou mais folhas.

Você já deve ter visto esse tipo de portão em várias residências, já que os portões pivotantes são considerados os modelos mais usados nos lares brasileiros.

 

E como funciona o portão pivotante?

Os portões pivotantes podem ser tanto manuais como automáticos, fazendo uso de um motor.

 

Mas onde usar o portão pivotante?

O portão pivotante é recomendado para casas com bastante espaço na garagem nas laterais, ou com espaço na calçada, pois ele pode tanto abrir para dentro quanto para fora.

Esse tipo de portão é muito utilizado em chácaras e sítios, porque requer um bom espaço e sem muita circulação de pessoas.

 

Vantagens e Desvantagens

Agora que você já sabe como funciona um portão pivotante, vamos ver algumas vantagens e desvantagens desse tipo de portão:

 

Vantagens

1 – Espaço: esse tipo de portão é para aquelas pessoas que priorizam o espaço, já que ele abre as portas para as laterais.

2 – Instalação: geralmente os portões pivotantes são de fácil instalação, não necessitam de trilhos. Comparado aos demais portões, a sua instalação é bem mais simples.

3 – Altura: existem muros bem altos justamente para dar mais segurança para o morador. Nesse caso, o portão pivotante é uma ótima escolha, já que não impõe limite de altura.

4 – Segurança: o portão pivotante pode ser automatizado, gerando mais segurança para o morador.

5 – Beleza: se você quer investir em uma entrada sofisticada para a sua residência, então um portão pivotante é o ideal. São portões sob medida que trazem muita beleza e sofisticação às entradas dos locais.

6 – Variedade de materiais: o portão pivotante pode ser feito de vários tipos de materiais. Isso quer dizer que você pode dar ao seu projeto o ar da sua personalidade.

 

Desvantagens

1 – Manutenção: o portão pivotante automático precisa de frequente manutenção, pois o motor fica exposto ao sol.

2 – Vulnerável: o portão pivotante é mais vulnerável do que os demais portões.

 

Tipos de materiais

Como já foi visto, o portão pivotante pode ser feito de diversos tipos de materiais. As opções mais escolhidas são ferro, alumínio e madeira, porém existem outros tipos de materiais.

Mas, antes da escolha do material a ser utilizado, alguns fatores devem ser levados em consideração, tais como durabilidade, preço, custo para conservação, segurança e estética.

Os portões de ferro têm preços mais acessíveis, porém requerem manutenção periódica devido à pintura. Além disso, são um material mais pesado, logo o motor também precisa ser mais potente. É um material que permite formas decorativas, como desenhos, sendo ideal para casas nas quais os moradores apostam em portões com decoração sofisticada.

O preço do alumínio é mais elevado, entretanto o portão feito desse material não precisa de manutenção frequente, visto que o motor pode ser menos potente.

É possível também investir em portões de madeira com decoração sofisticada, o que pode ser feito com a aplicação de verniz. Esse tipo de material requer manutenção frequente e o preço e a durabilidade são de acordo com a madeira escolhida.

 

Tipos de portões

Aqui você tem duas opções: escolher um portão vazado ou um portão fechado.

Vazado: proporciona mais ventilação e entrada da luz natural. Outra grande vantagem desse tipo de portão é que o morador pode ver quem está na frente do imóvel. Porém, a desvantagem é que quem está na rua pode observar parte da casa, ver se há pessoas no imóvel e ainda verificar os carros na garagem.

Fechado: é um tipo de portão mais pesado, logo isso vai fazer com que o custo seja maior também. E quanto mais pesado o portão, maior o custo do motor, já que este deverá ser de maior potência.

 

Segurança

Com o aumento da criminalidade, as pessoas priorizam cada vez mais a sua segurança e a de sua família. Se você quer apostar em segurança, então o portão pivotante de garagem é o ideal, pois ele pode ser automatizado e isso faz com que seja aberto e fechado rapidamente, com apenas um toque no controle do portão.

 

E como comprar portão pivotante?

Se você se interessou por um portão pivotante, entre em contato com nossa empresa. Nós somos a Dimatelas, que oferece soluções em portões. Possuímos mão de obra especializada para executar o seu projeto, basta entrar em contato com nossa equipe.

Maquininha de cartão do Mercado Pago – Como ter?

Um das dúvidas dos empreendedores é “como ter uma maquininha de cartão no meu negócio”, afinal os negócios precisam de soluções que atendam às necessidades dos clientes.

Revendedores e pessoas que possuem seus próprios negócios percebem a importância de uma máquina de cartão e um dos exemplos é a maquininha do Mercado Pago!

Existem quatro modelos atualmente de maquininhas do Mercado Pago: a Point Mini, Point Mini Clip, Point Smart e Point Pro 2. 

Cada uma tem suas características e deve ser escolhida de acordo com as especificações de seu negócio. Acesse o site oficial do Mercado Pago e veja como escolher a sua!

mercado pago

Homem sentado na sala estudando com um notebook

Como estudar para concurso de pedagogia?

Para aqueles que estão formados na faculdade de pedagogia, apostar na carreira pública é uma ótima alternativa. Afinal, os concursos oferecem salários mais altos do que a média do mercado privado, além de bons benefícios como vale-alimentação, vale-refeição, plano de saúde e muitos outros. Também vale lembrar que a carreira pública traz estabilidade para esses profissionais e oportunidades de plano de carreira.

Então, se você pretende seguir esse caminho, precisa conferir as nossas dicas de como estudar para concurso de pedagogia. Afinal, é preciso focar na preparação para sair à frente dos concorrentes, conquistar uma vaga e se tornar funcionário público.

 

Foque nas disciplinas mais cobradas nos concursos para pedagogos

Para os formados no curso de pedagogia EAD, há diversas opções de vagas em concurso público. Sendo assim, a nossa dica é que você foque nas disciplinas que mais são cobradas nesses certames. Afinal, dessa forma, você pode se preparar para mais de um concurso ao mesmo tempo e ficar pronto para as novas oportunidades que podem surgir na área.

Sendo assim, confira as disciplinas que mais costumam aparecer nas provas de concursos públicos de pedagogia:

– Legislação da Educação: nesse tema podem ser cobrados as normas constitucionais; as leis federais que regulam o sistema nacional de educação; as relações e pareceres dos órgãos do Ministério da Educação (MEC); ou ainda, as disposições legais no processo de regulação da educação nacional.

– Didática: esse é um dos principais ramos de estudo da pedagogia, por isso, ela tem presença garantida nas provas dos concursos dessa área. É importante lembrar que essa temática envolve a seleção dos conteúdos, os métodos e sistemas de avaliação com base nos objetivos de ensino, levando em conta os objetivos sócio-políticos e pedagógicos.

– Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): esse estatuto determina que é dever da família, da sociedade e do Estado garantir aos jovens o direito à saúde, assim como, a educação, cultura, lazer e outro. É também um tema bastante cobrado em concursos, principalmente para professor.

– Língua Portuguesa, Matemática, Raciocínio Lógico e Informática: esse combo de disciplinas correspondem a 20% das provas de certames para a área de pedagogia. Sendo assim, mesmo que essas matérias já façam parte do seu dia a dia é bem importante focar seus estudos nelas e revisar alguns temas.

 

Teste seus conhecimentos respondendo questões de concurso público na área de pedagogia

A melhor maneira de conhecer como os assuntos são cobrados na prova de um concurso para formados na faculdade de pedagogia é respondendo questões que já foram aplicadas anteriormente. Assim, você terá uma prévia do que estará te esperando no dia oficial, quando estiver valendo a sua aprovação.

Além disso, dessa forma, você pode testar seus conhecimentos, saber como está o seu entendimento em cada disciplina. Sendo assim, na hora de praticar, a nossa dica é que você pesquise por questões que foram aplicados em concursos mais recentes para o cargo que você quer conquistar uma vaga.

Mas, lembre-se, é preciso que essa preparação faça parte do seu dia a dia. Então, responda perguntas sempre que puder e acompanhe o seu desempenho semana a semana. Assim, você poderá observar o seu progresso, além de saber quais temas precisam ser revisados.

Outra dica importante é que na hora de responder as perguntas, você consiga, além de apontar a alternativa correta, dizer os motivos que levam as demais opções a estarem erradas. Afinal, dessa forma, você evita de errar uma questão por falta de atenção e pode fixar melhor o aprendizado em sua mente.

Uma prática que também merece atenção é a resolução de provas completas. Pode parecer similar a responder questões avulsas, mas é uma preparação ainda mais completa. Afinal, além de testar os conhecimentos, você pode simular o grande dia e verificar qual é o seu tempo de resolução de prova. Afinal, todo o concurso possui um tempo máximo para que o candidato entregue a prova resolvida e/ou o gabarito.

 

Invista em um preparatório online

Se você pretende conquistar uma vaga depois de completar o curso de pedagogia EAD precisa investir em um preparatório online. É que os concursos trazem uma grande listagem com todos os conteúdos que podem ser cobrados na sua prova, chamada de conteúdo programático. Sendo assim, é importante ter alguém que mostre o melhor caminho a seguir e possa organizar os seus estudos com os assuntos mais importantes.

E quando você aposta em um preparatório online, pode contar com a experiência dos professores que entendem muito, não apenas da matéria em si, mas também de concurso público. Afinal, é preciso saber como aqueles assuntos são cobrados para trazer explicações mais claras e diretas ao ponto, facilitando o dia a dia de aprendizado do candidato.

Então, o preparatório online deve ser visto como um investimento que vai te levar até a aprovação em um concurso público na área da pedagogia.

imagem de uma janela de quarto usando cortina com varão

Cortina para quarto de casal: como não errar na escolha?

Uma das decisões mais difíceis é saber escolher a cortina ideal que vai combinar com as cores e estilo do seu quarto. O objeto serve para dar um toque de elegância e conforto no cômodo no qual passamos a maior parte do tempo. É o item que realmente não pode faltar para completar a decoração.

A escolha passa a ser ainda mais desafiadora, quando se trata de cortinas para o quarto de casal. Nesse caso a opinião dos dois é importante, pois estão buscando algo que seja a cara de ambos. Por meio da cortina, é possível fazer o controle da entrada de luz solar por exemplo, e ter preferência pelo item que trará benefícios tanto para o dia quanto para a noite.

Mas fique calmo! É muito comum surgir dúvidas no meio do caminho e não saber qual é aquela cortina certa, são várias as opções que o mercado oferece. Uma dica é optar por comprar cortinas modernas para o quarto do casal. Outros tipos são as cortinas blecaute, cortinas para varão, persianas, rolô, romana, painel e cortina com bandô.

Então confere aí as nossas dicas, para não errar na hora da compra e escolher aquela cortina perfeita.

 

Qual é a melhor cortina para meu quarto?

Cada um dos cômodos da casa exige alguns cuidados que são diferentes um do outro, por isso é tão importante ficar atento às escolhas da decoração, principalmente diante de tantas alternativas. São diversas as opções, entre cores, texturas, valores e as suas funcionalidades. A partir do momento que podemos conhecer melhor as opções disponíveis, fica mais fácil a se decidir.

 

Persiana

Uma das opções de cortina para o quarto do casal é as persianas. Essa oferece vários modelos diferentes que são fixas. A persiana painel é vertical, e são recomendadas para locais espaçosos e que tenham grandes janelas. Tem também a persiana celular, aquelas que têm pequenos espaços de ar entre suas placas. Já a persiana horizontal é a mais conhecida, ela é aberta e fechada por uma cordinha.

 

Rolô

Esse tipo de cortina se parece bastante com as de painéis, mas para se usar em janelas menores. O material impede que entre muita luz solar no local, mas também tem a opção de isolar totalmente a exposição às radiações do sol.

 

Romana

Muito parecida com o estilo da cortina rolô, porém a romana oferece a opção de rolagem para cima. Ela pode ficar dobrada quando suspensa. O material geralmente é feito com cores neutras, o que pode combinar com qualquer tipo de ambiente.

 

Varão

Um dos estilos mais usados pelas pessoas é a cortina varão.  Ela tem um apoio na parte de cima, como um bastão, na qual a cortina pode se deslizar para os dois lados. Ela é feita com materiais diferentes e tamanhos grandes, médios e pequenos, o que pode atender as mais diversas necessidades.

 

Blackout

Também bastante utilizado, o blecaute deixa o ambiente mais escuro, impedindo que a iluminação de fora entre no ambiente. Ela é feita de vinil e geralmente opaco e laminada, o que garante o cômodo mais fresco.

 

Painel

Muito parecido com o modelo rolô, a cortina painel é bem prática, com cores neutras, ótimas para janelas grandes e totalmente feitas de vidro. É feita de tecidos lisos, que protege das radiações solares e deixando o ambiente mais confortável.

 

Bandô

A cortina bandô tem um suporte em cima que esconde o varão ou bastão das cortinas. Combina com vários estilos de decorações e pode ser feito a partir de acabamentos e materiais diferenciados.

 

O que considerar na hora de escolher a cortina ideal?

Pronto! Você já conhece os principais tipos de cortinas que mais são usadas e compradas no mercado na hora de montar um quarto. Mas agora tem outros pontos que também é necessário levar em consideração.

Além das cores e da decoração já citadas lá no início, a iluminação também é importante, não é legal deixar o quarto muito escuro durante o dia, e assim evitar os mofos e garantir a ventilação natural do ambiente.

Fique atento também ao material da sua cortina, uma dica legal é investir no voil, que é algo mais leve e versátil e em uma segunda camada mais pesada, uma cortina que seja feita de dois tecidos. Dessa forma, o quarto do casal ficará mais ou menos iluminando, tendo uma privacidade maior.

E por fim, é importante avaliar também o tamanho disponível para comprar a cortina certa, é legal medir todo o espaço antes de comprar a cortina, pensando também na largura da área.  Outra dica é tampar todo o espaço da janela, não ser algo muito curto, mas também não deve ser grande demais a ponto de arrastar no chão.

Seguindo essas dicas, tenho certeza que será mais fácil achar o que deseja e deixará todo o conjunto do  cômodo mais harmonioso.

unha quebradiça

Como ter unhas sempre saudáveis?

O autocuidado tem sido um assunto super comentado, ainda mais agora na quarentena. Se tornou comum mulheres e homens tirarem um dia ou um tempinho do seu dia para cuidarem de si, passar aquele hidratante no corpo, colocar uma máscara facial, fazer hidratação no cabelo e, claro que não podemos esquecer de ter os cuidados com as unhas.

Pensando nessa pequena rotina, trazemos para você algumas dicas para manter suas unhas saudáveis e fortes, assim como uma pequena lista de produtos para unhas que vão ajudar a cuidar de suas queridinhas. Borá lá?

 

Abandone a acetona

Poucas pessoas sabem, mas o uso de acetona enfraquece as suas unhas, então evite usá-la. Você deve estar se perguntando: como então eu vou tirar o esmalte? A resposta é clara, use o removedor de esmaltes.

A diferença entre esses dois produtos é que o removedor, por ser feito à base de óleo, não é tão agressivo quanto a acetona que é feita a base de álcool, por isso resseca a área em que é aplicada. Então, sempre que possível, opte pelo removedor de esmaltes.

 

Deixe suas unhas respirar

Obviamente não é no sentido literal da frase, mesmo porque nossas unhas não têm nariz :). O que eu quis dizer é para você ficar um tempo sem usar esmaltes para que suas unhas possam realmente respirar e “descansar”. Isso faz com que elas fiquem mais saudáveis, menos quebradiças e não fiquem manchadas.

 

Mantenha suas unhas hidratadas

As unhas são mais propensas a secarem e quebrarem pelo fato de serem mais porosas do que a pele do nosso corpo. Inclusive, sobre as cutículas, todos dizem que é melhor cortar, mas não é bem assim. Ao tirar suas cutículas você expõe suas unhas a infecções. Por isso, manter essa região hidratada é a solução.

 

Vitaminas

A alimentação atua diretamente na saúde do corpo, o que não exclui as unhas. Às vezes quando a pessoa tem uma alimentação inadequada ou faltando determinadas vitaminas, as unhas se tornam fracas e é aí que aquelas manchinhas brancas aparecem. Inclusive, você já deve ter visto no youtube ou no Instagram de alguma blogueira, uma vitamina em forma de ursinho que auxilia na saúde de seu cabelo e unhas. E isso nada mais é do que uma balinha que vai repor as vitaminas importantes para o crescimento saudável de suas madeixas e de suas garrinhas.

 

Suas unhas são o que você come

Como dito anteriormente, quando se tem uma alimentação que não é adequada, isso vai ter influência no crescimento e saúde de suas unhas. Alimentos importantes e que auxiliam no fortalecimento são:

  • Leveduras (fungos) e grãos integrais → ricos em biotina
  • Folhas verdes escuras → Vitamina E
  • Laranja, limão, mamão → Vitamina C
  • Carnes, ovo, laticínios → derivados animais

 

Mantenha suas unhas fortes

Para que fiquem ainda mais fortes, o uso de produtos fortalecedores de unhas é de bom tom também. Existem diversos tipos, desde os caseiros até os que você compra diretamente na área de esmaltes da loja, em geral esses produtos têm preços acessíveis e são fáceis de encontrar.

Porém, agora deve ter surgido uma dúvida na sua cabeça: Qual é o melhor fortalecedor de unhas? E eu te respondo que na verdade não tem uma resposta correta, cada corpo é um corpo e você deve escolher aquele que mais se adaptou a você e suas necessidades.

E assim como as bases normais, as bases fortalecedoras servem para fixar melhor o esmalte colorido, com a vantagem de que além dessa função, ele promove uma resistência maior, aumenta a espessura da própria unha, protege sua unha de escamar e tem propriedades que ajudam no fortalecimento das unhas, como por exemplo a queratina. O que torna indispensável ter um esmalte fortalecedor de unhas.

Para completar todas essas dicas, agora vem uma lista com produtos importantes para você que quer ter unhas bonitas, fortes e saudáveis:

  • Óleo fortalecedor
  • Esmalte fortalecedor
  • Cera nutritiva
  • Hidratante de cutículas
  • Fluído nutritivo

 

Cronograma de cuidados com as mãos

De nada adianta ter unhas bonitas se você não cuidar do restante de suas mãos, por isso passarei agora um simples cronograma para colocar na sua rotina.

 

Segunda Terça Quarta Quinta Sexta
Nutrição Hidratação Nutrição Hidratação Esfoliação
Protetor solar Protetor solar Protetor solar Protetor solar Reconstrução
Base fortalecedora
Protetor solar

 

Legenda: 

Nutrição- Óleo de coco ou rícino desempenham o papel super bem.

Hidratação- Na mão, hidratante para as mãos e nas unhas é bom usar o próprio hidratante de cutículas, pantenol ou glicerina.

Esfoliação: Você pode optar por usar as próprias lixas de esfoliação ou fazer a misturinha caseira de mel e açúcar. Claro que se você tiver um esfoliante pronto, pode usá-lo também.

 

Reconstrução- Queratina

Agora com todas essas dicas, produtos e cronograma, você está mais do que preparada para cuidar de suas mãos e ter unhas lindas e saudáveis. Use e abuse de todos esses ensinamentos, crie sua própria rotina de cuidados com as mãos e chame as amigas para adentrar nesse universo também.

organizando mudança com self storage

Como um self storage deixa sua mudança mais prática?

Mudanças tendem a ser cansativas e trabalhosas, principalmente quando seu novo lar não oferece espaço suficiente para organizar móveis e itens pessoais. E, acredite, essa falta de espaço pode ser desastrosa.

Não é para menos, afinal, há o risco de os móveis e itens ficarem amontoados pela casa. Consequentemente, compromete-se a funcionalidade e decoração do lar, além de aumentar o risco de danificar as peças e causar prejuízos.

Mas, há uma forma simples e econômica de resolver isso: é só investir no self storage! Ainda não o conhece? Então, continue a leitura e saiba o que é e como pode deixar sua mudança mais prática!

 

O que é self storage?

O self storage é um serviço de autoarmazenamento em que você aluga um espaço, também chamado de box, e guarda seus itens pelo tempo que precisar.

Existem diversas modalidades de self storage, cada uma destinada à armazenagem de objetos específicos. O guarda móveis é o que melhor atende suas necessidades em mudanças, mas também há o guarda volumes e o guarda documento.

O guarda móveis tem nome autoexplicativo: é destinado ao armazenamento de móveis, somente. Já o guarda volumes tem como foco a armazenagem de quaisquer itens, sem ser de uma categoria fixa.

Se precisa preservar papéis importantes durante a mudança, o guarda documento é a melhor solução, mantendo-os em um local seguro e à prova de infestações por insetos e roedores.

 

Como funciona o self storage?

O funcionamento do self storage é simplificado: basta escolher um box de armazenamento em um tamanho adequado à quantidade de itens que precisa guardar.

Então, coloque todos os seus itens no espaço, tranque-o e leve a chave consigo. Este é um detalhe importante porque indica a segurança do serviço, uma vez que somente o contratante ou pessoas autorizadas por ele têm acesso ao conteúdo do box.

A contratação do self storage é desburocratizada, uma vez que não há necessidade de apresentar vários documentos ou um fiador, finalizando-a rapidamente.

Além disso, as formas de pagamento são flexíveis e o preço do self storage é acessível, sobretudo em comparação à locação tradicional de espaços.

Um detalhe importante: ao investir no self storage, você não fica preso a um contrato longo, portanto, pode suspendê-lo quando quiser.

 

Por que contratar o self storage em mudanças?

Está em dúvida sobre o porquê de contratar um self storage na sua mudança? O motivo é simples: esta é uma solução de armazenamento repleta de benefícios.

Com o self storage, é possível evitar desordem na casa logo no início da mudança, tornando os ambientes mais funcionais, além de garantir praticidade e maior mobilidade pelas áreas.

Outro benefício é a preservação de móveis e itens pessoais, uma vez que estarão em um espaço adequado e sem risco de danos, ajudando a economizar com consertos ou necessidade de troca de tais peças.

Tudo isso a um excelente custo-benefício, uma vez que o preço do self storage é acessível, especialmente em comparação ao guarda volumes tradicional.

 

Como organizar seus itens no self storage

Decidiu contratar o self storage durante sua mudança, mas não sabe ao certo como organizar seus itens no box? Existem dicas que ajudam a aproveitar o espaço da melhor maneira possível:

 

Proteja itens grandes

Itens grandes, como móveis e eletrodomésticos, precisam de uma proteção para evitar danos durante o transporte e armazenagem no box de guarda móveis self storage. Por isso, utilize plástico bolha para protegê-los.

 

Tenha um cuidado extra com objetos frágeis

Objetos frágeis também necessitam de proteção para evitar quebras e prejuízos, por isso embale-os com plástico bolha ou um tecido grosso, como toalhas ou lençóis.

 

Guarde itens pequenos em caixas

Peças pequenas devem ser armazenadas em caixas e separadas por tipo. Prefira utilizar caixas transparentes, porque deixam o conteúdo visível, o que possibilita encontrar itens rapidamente quando necessitar.

O diferencial das caixas é que possibilitam o empilhamento, portanto, dá para aproveitar o espaço vertical do box, maximizando a possibilidade de armazenamento.

 

Etiquete

Etiquetar é essencial porque possibilita saber rapidamente o que é cada item armazenado (já que estará embalado), além de agilizar a identificação sempre que preciso.

 

Deixe itens em posições acessíveis

Se tiver algum móvel ou item pessoal que precisará sair do self storage antes, procure deixá-lo em posições / locais acessíveis. Por exemplo, não o coloque no fundo de uma pilha de caixas, porque o trabalho será maior para retirá-lo.

 

Self storage Guarde Mais

Está em busca de um self storage de qualidade para dar praticidade à sua mudança? Então, a Guarde Mais tem as melhores soluções para você!

A Guarde Mais é referência em self storage e conta com unidades em diversas cidades, sempre prestando serviços de excelência por preços justos, que cabem em seu orçamento.

As unidades Guarde Mais oferecem privacidade e segurança, com sistema de monitoramento 24 horas por dia, alarme e portaria. Aproveite para conhecer e contratar o serviço de self storage Guarde Mais!

Qual o melhor curso preparatório para a OAB?

Quem está em busca de descobrir como passar na prova da OAB, certamente já deve ter ouvido falar da importância dos cursinhos preparatórios.

Mais do que oferecer conteúdo de qualidade e focado no que realmente aparecerá na sua prova, a missão de qualquer preparatório OAB é disponibilizar ainda um corpo docente experiente e qualificado no assunto.

Isso porque o objetivo de se contar com um cursinho OAB é conquistar a segurança e o aprendizado necessário para enfrentar as provas.

Pensando nos estudantes que estão em busca da melhor preparação por meio de um curso OAB, e com o intuito de facilitar a pesquisa deles por uma plataforma de estudo completa, elaboramos abaixo um ranking comparativo dos principais preparatórios.

A lista possibilitará que você compare cada um, resultando na escolha da opção que melhor se encaixa ao seu bolso e perfil. Confira!

 

Melhores cursos preparatórios para OAB

Além de abordar o nome de cada curso online OAB, nossa lista traz ainda informações como valores, forma de aquisição e diferenciais. Vamos começar?

 

Aprova Concursos

Com videoaulas gravadas a partir do conteúdo do edital e em formato de plano de estudo, o curso do Aprova Concursos promete desvendar todos os segredos que te levarão a conquistar a carteira da OAB!

Como diferenciais, o curso de 1ª + 2ª fase oferece acesso até a data da prova do exame escolhido; mais de 2 mil questões oficiais para praticar; videoaulas gravadas por assunto; aulas de revisão pré-prova; material de apoio em PDF; videoaulas de marcação de código e dicas de redação aplicadas à OAB.

Caso prefira, os cursos podem ser adquiridos de forma individualizada, sendo 1ª fase ou 2ª fase somente. A plataforma possibilita ainda a aquisição de disciplinas avulsas.

O custo do curso completo, que inclui a 1ª + 2ª fase é de R$ 249,90 e pode ser pago em 10x de R$ 24,99 no cartão de crédito ou à vista. A compra pode ser realizado diretamente pelo site do Aprova.

 

Estratégia Concursos

A Assinatura OAB – Até a aprovação do Estratégia Concursos traz todas as ferramentas necessárias para uma preparação completa para a 1ª e 2ª fase do Exame de Ordem.

O assinante faz um único pagamento e tem acesso ilimitado à plataforma até conquistar o seu objetivo.

O acesso para a 1ª fase inclui livros digitais, videoaulas, mapas mentais, livrão digital, simulados quinzenais, maratonas quinzenais, curso de reta final, monitorias OAB, trilhas estratégicas e vade mecum.

Já o acesso de 2ª fase contempla livros digitais, videoaulas, mapas mentais, sala VIP, simulados exclusivos, curso de reta final e vade mecum.

O pagamento que, pode ser efetuado por cartão de crédito ou boleto, custa 12x de R$ 109,90, ou então R$ 1.186,92 à vista. A aquisição pode ser feita diretamente pelo site do Estratégia.

 

Gran Cursos OAB

O plano de assinaturas para a OAB do Gran Cursos também traz opções para a 1ª e 2ª fase que inclui videoaulas; questões; materiais especializado; 30 dias de teste; Gran Seguro OAB; simulados e fórum de dúvidas.

As opções também podem ser adquiridas de forma individual e custam 12x de R$ 58,33 ou R$ 699,90 à vista para a 1ª fase.

Já a 2ª fase custa 12x de R$ 41,66 ou R$ 499,90 à vista por área. A plataforma oferece ainda coaching individualizado para o Exame da OAB por 12x de R$ 124,75 ou R$ 1497,00 à vista.

Você pode comprar o curso desejado no site do Gran.

 

CERS – Renato Saraiva

Entre os cursos preparatórios para OAB, você vai encontrar também o CERS – Renato Saraiva. Atuante no mercado desde 2009, com aulas preparatórias para concursos públicos e Exame de Ordem, a sua equipe é inteiramente preocupada com o futuro da educação, ao ponto de tornar a plataforma uma das mais reconhecidas em seu mercado.

Ela conta com professores muito qualificados, que são escalados de acordo com as suas especialidades e formações.

Entre seus cursos para a OAB estão opções para as 1ª e 2ª fases, livro digital e PDF, planos de estudo e coaching. Os custos são bastante diversificados e partem de R$ 90,00 que é o valor cobrado por cada disciplina isolada.

Já o combo de 1ª e 2ª fase pode ser adquirido de forma parcelada, sendo 12x de R$ 93,15 sem juros, ou à vista por R$ 1.117,84.  A compra também pode ser efetuada pelo site do CERS.

Qual a medida de uma porta de quarto?

A porta é um dos principais acabamentos do imóvel, ajudando a separar ambientes e garantir privacidade, principalmente quando se pensa na versão para quartos.

Saber as medidas da porta do quarto é importante porque possibilita construir um imóvel mais prático e funcional, além de facilitar a compra e instalação desse acabamento.

Mas, qual é a medida de uma porta de quarto? A seguir, indica qual é o tamanho padrão de porta para esse ambiente. Confira!

Medida padrão de porta de quarto

Atualmente, construtoras de imóveis têm adotado como padrão para porta do quarto a largura de 70 polegadas. Para comparação, as casas têm portas com largura de 60 graus e as portas de entrada têm 80 portas.

Mas, vale lembrar que essa medida é flexível. Por exemplo, se for construir seu próprio imóvel ou reformar sua casa, é possível aumentar a largura em mais 10 polegadas, se a estrutura permitir, garantindo portas mais amplas.

No que se refere à altura da porta para quarto, o padrão é 2,10 metros na maioria dos casos, inclusive quando se compra porta pronta. Porém, existe a possibilidade de fazer modelos com tamanhos personalizados.

A personalização é uma alternativa interessante principalmente quando o pé-direito do imóvel é alto, garantindo um visualmente mais proporcional e elegante, de modo a contribuir positivamente com a decoração.

Alternativas de materiais de porta de quarto

Já sabe quais são as medidas da porta de quarto, mas não conhece quais alternativas de materiais estão disponíveis no mercado? Essencialmente, há dois principais: a porta de madeira e a de alumínio.

Ambas são adequadas, mas apresentam características que devem ser consideradas no momento da compra, para escolher a que mais se adequa às suas necessidades e orçamento:

Porta da madeira

Proporciona bom isolamento acústico, é versátil e durável. Existem duas versões da porta da madeira: a maciça, que é resistente a danos, e a oca, perfeita para áreas internas.

Conta com um ponto negativo, o fato de ser suscetível a danos, principalmente os provocados por cupins, infiltração de água e umidade, problemas que ocorrerem sua vida útil.

É possível reduzir a possibilidade de enfrentar esses problemas ao investir em uma porta de madeira tratada ou realizar procedimentos como uma envernização, que deve ser feito periodicamente.

Porta de alumínio

Uma porta de alumínio apresenta excelente resistência a danos, por isso é uma versão mais utilizada em ambientes externos e áreas como cozinha e lavanderia. No entanto, pode ser aplicada em quaisquer cômodos.

Essa é uma alternativa que dura mais tempo, não demanda manutenções frequentes e pode ser instalado em locais com maresia, já que não enferruja. Conta com o ponto negativo de ser sutilmente mais cara, mas é uma versão que compensa, já que não é preciso repará-la frequentemente.

Qual porta escolher?

Para garantir mais praticidade no cômodo, escolha portas para quarto com medida padrão. Além disso, opte pelo material que mais se adequa ao seu projeto, já que tanto a madeira como o alumínio são alternativas eficazes.

Não se esqueça de garantir as peças essenciais para instalar a porta de alumínio Curitiba ou de madeira, como esquadrias, perfil de alumínio, fechaduras, dobradiças, entre outros.